Imóvel Rural 1.102 ha - Lins - SP - X14395

Este leilão foi finalizado.
Veja outros Leilão de Imóveis ou Leilão de Imóveis Rurais disponíveis.
SUSTADO
2a Praça
  • Leilão Extrajudicial
  • Leilão:
    ML06628
  • Lance inicial:
    R$ 22.185.421,42
  • Último lance:
    R$ 0,00
  • Incremento:
    R$ 50.000,00
  • Localização:
    Lins, SP
  • Inicio:
    25/07/2017 às 14:00
  • Término:
    31/07/2017 às 14:00
  • 1424 0
Leilões Banco Banco Industrial do Brasil
Localização Rodovia BR-153 - Km 185, Zona Rural, Lins, SP
Comitente BANCO INDUSTRIAL DO BRASIL S.A
Descrição
LOTE ÚNICO – a) MATRÍCULA 1.125 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel uma área rural de terras de 14,238 alqueires paulistas, ou sejam 34,4 hectares, desmembrada da Fazenda Santa Adilia, situada no extremo oeste da gleba de 50 alqueires que se limita a Oeste e a Norte com a propriedade de Antonio Rezende de Andrade e a Sul com a Fazenda Santa Clara e a Leste pelo remanescente da Fazenda Santa Adilia, situada no distrito e município de Guaiçara, comarca de Lins, área esta assim limitada; com propriedade de Antonio Rezende de Andrade por uma estrada particular que segue em linha reta com rumo Noroeste de 51º40’ numa distância de 890,00 metros e depois uma linha quebrada até encontrar a paralela a linha reta de rumo Noroeste 51º40’ agora na distância de 650,00 metros, e depois uma linha, digo, metros, servindo de divisa com o remanescente da Fazenda da Santa Adilia até um ponto na Rodovia Lins-Getulina, daí segue em limite te com a Fazenda Santa Clara por meio de uma linha reta de 240,00 ms. rumo 39º40’ Nordeste, de uma linha reta de 130,00 ms rumo 51º28’ Nordeste e de uma linha quebrada que segue o Córrego Desfiladeiro até encontrar novamente a divisa de Antonio Rezende de Andrade. Consta na R.01 desta matrícula que o imóvel rural passou a denominar-se Retiro Santa Marina. Consta na Av.16 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640003961, com os seguintes dados: denominação Fazenda Santa Marina – área total de 279,30 há classificação fundiária: média propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. Lins-Getulina lado direito BR-153 – módulo rural: 32,8502 – nº de módulos rurais: 8,35 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 12,69 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396056057. Consta na Av.39 e 43 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por JURACI MOREIRA contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 0069900-02.2009.503.0146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.40 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por ANDERSON ANDRE BRAZ DE JESUS contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 00602-4920115030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.41 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por EVILAZIO GONÇALVES SAUDE contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 0000480-70.2010.503.0146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.42 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por ITALO FERREIRA ABREU contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 0000114-6020125030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.44 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por ADRIANO COSTA SANTOS contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 00605-0420115030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.45 desta matrícula que as penhoras averbadas sob os nºs 39, 40, 41, 42, 43 e 44 incidem sobre os direitos da devedora fiduciante COMAPI AGROPECUÁRIA S/A. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. b) MATRÍCULA 1.310 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: imóvel uma propriedade agro-pastoril, atualmente denominada "Retiro Santa Marina", antiga Fazenda Santa Adilia (2S parte), situado no distrito, município e comarca de Lins, com a área de 86,54404 hectares de terras, - contendo hoje 40.000 cafeeiros entre formados e em recuperação, pasto - cercado com arame farpado (4 fios); 1 casa de tijolos para administração , 3 casas para empregados, sendo uma de tijolos, digo, 1 de madeira e 2 de tijolos; 1 prédio de alvenaria com quatro divisões, máquinas agrícolas, animais e outras benfeitorias, confrontando-se, de um lado com o dr. Ibraim Mathias, do lado oposto a este com a Fazenda Santa Odilia, do Espólio Randolpho Haynes, seus sucessores ou quem de direito, de outro lado com Antonio Rezende de Andrade d do lado oposto a este último com a Fazenda Santa Clara, de quem de direito. Consta na Av.16 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640003961, com os seguintes dados: denominação Fazenda Santa Marina – área total de 279,30 ha, classificação fundiária: média propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. Lins-Getulina lado direito BR-153 – módulo rural: 32,8502 – nº de módulos rurais: 8,35 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 12,69 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396056057. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. c) MATRÍCULA 1.409 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel rural com a área de 28,50 alqueires paulista de terras, equivalentes a 68,97 hectares, contendo 1 curral completo, construído de madeira com todas as suas benfeitorias e instalações, confrontando-se: ao Norte com terras dos signatários; ao Sul com a Rodovia BR 153 ; a Leste com José Benedito Vianna e a Oeste com Antonio Rezende de Andrade, denominado Retiro Santa Marina (parte) situado no bairro Tabocal, município e comarca de Lins. Consta na Av.21 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640003961, com os seguintes dados: denominação Fazenda Santa Marina – área total de 279,30 ha, classificação fundiária: média propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. Lins-Getulina lado direito BR-153 – módulo rural: 32,8502 – nº de módulos rurais: 8,35 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 12,69 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396056057. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. d) MATRÍCULA 5.038 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel rural denominado Retiro Rio Feio, situado na Fazenda Rio Feio, município e comarca de Lins, com a área de 38,7 alqueires paulistas de terras, equivalentes a 93,76 hectares, contendo 2 casas de empregados, de tijolos, curral de aroeira - 01 coberto de manejo de aroeira c/bezerreiro, 1 galpão e deposito de tijolos, 1 deposito de madeira, 1 caixa d'agua de alvenaria, 1 poço com moinho a vento, confrontando-se ao Norte, Leste e Oeste com Antonio Rezende de Andrade e ao Sul com o Rio Feio. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640037270, com os seguintes dados: denominação: Fazenda Vista Alegre – área total de 703,50 ha, classificação fundiária: grande propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 Km 186 – módulo rural: 31,6728 – nº de módulos rurais: 21,58 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 31,97 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396262056. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. e) MATRÍCULA 7.859 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel GLEBA "D", que compreende uma área transcrita de 101-45-83 hectares, equivalentes a 41,925 alqueires paulistas de terras, destacada da Fazenda Santo Antonio, situada no Bairro Tabocal, deste distrito, município e comarca de Lins, Estado de São Paulo, contendo benfeitorias, constantes de: um retiro de leite, coberto, de 7x8, um depósito de água, com capacidade de 20.000 litros, dois cochos de sal, cobertos, dois bebedouros de água em alvenaria, 32,59 alqueires de mato, pastos e cercas divisórias, compreendido dentro das seguintes confrontações atuais, com - Amilcar Tobias, Gleba "E" da presente divisão, antiga Estrada Lins-Getulina, Gleba “C” da presente divisão e Córrego do Desfiladeiro, que serve de divisa natural com Flavio Junqueira de Andrade Filho e outros e Flávio Junqueira de Andrade, sendo certo que essa área é cortada pela Estrada Federal BR-153, que a Gleba acima foi levantada topograficamente, na forma já referida, observados os demais característicos individualizadores da mesma área, de cujo levantamento resultou e área real de 1.089.000,050 m2, ou 45,00 alqueires, ou ainda, 108-90,00 hectares, desmembrado de maior porção da Fazenda Santo Antonio, situada no Bairro Tabocal, deste município e comarca de Lins-SP, sendo que a referida área se apresenta em duas partes distintas, separadas pela Rodovia Federal BR-153, cuja área da faixa de domínio está excluída da área do lote, "começa o caminhamento em um marco cravado junto ao Córrego do Desfiladeiro, na divisa com Amilcar Tobias, daí, segue as seguintes distâncias e rumos confrontando com imóvel de propriedade de Amilcar Tobias; 49,40 m - N34º30’40” W; 47,26 m - N34º08’09" W; 55,60 m – N 35º33’41” W; 58,47 m - N 35º57’04" W; 2,27 m- N 35º57’04" W, até atingir o marco 172-A, junto a faixa de domínio da Rodovia BR-153. Daí, atravessa a referida rodovia, na distância de 52,11 metros, com rumo N 34º00’14" W, até atingir o marco 173-A. Desse ponto, segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando-com imóvel de propriedade de Amilcar Tobias: 40,14m - N 36º49’39" W; 180,28 m- N 35º07’36" W; 95,30 m- N 35º22’58” W; 112,85 m- N 35º16’01" W; 103,31 m- N 35º13'00" W; 116,10 m- N 35º16'35" W, até atingir o marco 179-A. Daí, segue a distância de 418,55 metros, com rumo N 21º22’33" W, confrontando com a parte "D" da partilha da Fazenda Santo Antonio, até atingir a cerca da antiga Estrade Lins-Getulina. Desse ponto, deflexiona à esquerda e segue acompanhando a referida estrada, nas seguintes distâncias e rumos: 90,57m-S81º1O'37”W; 46,89m–S87º21’28”W; 315,28m–S82º40’15”W; 44,72m-S82º37’12”W; 70,11m-S82º30’33"W; 25,23m-S72º13’20”W; 23,60 m-S67º16’27”W; 16,70 m-S52º55’34”W; 24,82m-S47º18’53”W; 19,92m-S35º47’36”W; 29,15 m-S26º55’25”W; 101,15 m-S20º05’58”W; até atingir o marco A-351. Deste ponto, deflexiona a esquerda e segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com a parte “C” da partilha da Fazenda Santo Antonio; 296,91m - S16º32’26”E; 15,67 m - S59º26’59”E; 25,78 m-S18º47’14”E; 21,63 m-S30º45’54”E; 19,68 m-S27º04’35”E; 29,98 m-S38º21’32”E; 30,01 m-S35º29’52”E; 31,38 m-S29º37’44”E; 543,06 m-S21º14’59”E; até atingir o marco 8. Daí segue, digo, atravessa a Rodovia Federal BR-153, na distância de 50,24 metros, com rumo S 21º14’59”E, até atingir o marco A. Desse ponto, segue a distância de 185,52 metros, com rumo S 21º14’59”E, confrontando com a parte “C” da partilhada Fazenda Santo Antonio, até atingir o marco 125, cravado junto ao córrego do Desfiladeiro. Daí, segue acompanhando o referido Córrego no sentido de sua nascente, servindo, esse córrego como divisa natural com imóveis de Flávio Junqueira de Andrade, Carlos Junqueira de Andrade Neto, Flávio Junqueira de Andrade Filho e Clóvis Junqueira de Andrade, voltando ao marco inicial do caminhamento. Consta na Av.2 desta matrícula que no imóvel rural possui averbação de Cláusula de perpetuidade, de área da Reserva Florestal Obrigatória, numa área de 21,78 hectares, não inferior a 20% (vinte por cento) do total da propriedade, compreendida dentro dos limites: Tem início em um ponto distante 14,67 metros da rodovia BR-153, junto a divisa com o imóvel de propriedade de Nise Helena J. de Andrade Abreu; dai, segue a distância de 170,85 metros, com rumo S 21º14’59” E, confrontando com o imóvel citado, até atingir o Córrego do desfiladeiro. Desse ponto, segue acompanhando o córrego do Desfiladeiro, no sentido de sua nascente, servindo o mesmo como divisa natural com os imóveis de Flávio Junqueira de Andrade e de Carlos Junqueira de Andrade Neto, Flávio Junqueira de Andrade Filho e Clóvis Junqueira de Andrade, até atingir o ponto 169ª. Daí segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com o imóvel de Amilcar Tobias; 49,40 metros- N34º30’40” W; 47,26 metros- N34º08’09” W; 55,60 metros- N35º33’41” W; 45,35 metros- N35º57’04” W; até atingir o ponto B. Desse ponto, deflexiona à esquerda e segue a distância de 88,98 metros- com rumo S70º42’45” W; confrontando com remanescente da Fazenda Ipê, voltando ao ponto inicial do caminhamento, contendo a área de 217.800,00 m2, ou 21,78 ha ou ainda 9,00 alqueires. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640037270, com os seguintes dados: denominação: Fazenda Vista Alegre – área total de 703,50 ha, classificação fundiária: grande propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 Km 186 – módulo rural: 31,6728 – nº de módulos rurais: 21,58 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 31,97 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396262056. Consta na R.16 desta matrícula Servidão de Passagem sobre a parte do imóvel, na faixa a seguir descrita: Área nº LM-06-0007-00-S – o terreno começa no ponto 1 (N-7.597.032,73 e E-620.873,23) e segue numa distância de 10,45 metros até o ponto 2 (N-7.597.023,35 e E-620.881,51) confrontando com Comapi – Companhia Agropastoril e Industrial Ltda., deflete à direita e segue na distância de 868,98 metros até o ponto 3 (N-7.596.522,99 e E-620.173,16) confrontando com a Rodovia BR-153, deflete à direita e segue numa distância de 10,01 metros até o ponto 4 (N-7.596.530,85 e E-620.166,96), confrontando com Comapi – Companhia Agropastoril e Industrial Ltda.; deflete à direita e segue numa distância de 866,43 metros até o ponto 1 (7.597.032,73 e E-620.873,23) se, confrontantes, encerrando uma área de 8.676,41 m2. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. f) MATRÍCULA 7.860 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel GLEBA "C": compreende uma área transcrita de 111-46-69 hectares, iguais a 46,06 alqueires paulistas de terras, destacada da Fazenda Santo Antonio, situada no Bairro Tabocal, deste distrito, município e comarca de Lins, Estado de São Paulo, contendo as benfeitorias constantes de: cinco cochos cobertos, para sal, três bebedouros de alvenaria, um depósito de água com capacidade para 8.000 litros, 2,00 alqueires em mata, 17.000 pés de café prejudicados pela última geada, pastos e cercas divisórias, confrontando-se em sua integridade, com Gilson Junqueira de Andrade e outro, Córrego do Desfiladeiro, que serve de divisa natural com Flávio Junqueira de Andrade, Gleba “D” da presente divisão e antiga Estrada Lins-Getulina; sendo que essa gleba á cortada pela Rodovia Federal BR-153. Que, a gleba acima foi levantada topograficamente, na forma já referida, observados os demais característicos individualizadores da mesma área, de cujo levantamento resultou a área real de 1.196.399.513 m2 ou 49.438 alqueires ou ainda 119-64-00 hectares, destacados da Fazenda Santo Antonio, e está localizada no município e comarca de Lins, sendo que a referida área se apresenta em duas partes distintas, separadas pela Rodovia Federal BR-153, cuja área da faixa de domínio está excluída da área do lote. "Começa o caminhamento em um ponto denominado A-110, junto à cerca da Estrada Lins-Getulina e divisa com o imóvel de propriedade de Gilson Junqueira de Andrade e outro. Dai, segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com Gilson Junqueira de Andrade e outro: — 10,68 m - S 34º07’56” E; 165,71 m - S34º47’36”; 43,15 m - S34º37’42” E; 625,63 m - S35º22’17” E, até atingir o marco 113-A; Desse ponto, atravessa a BR-153, até atingir o marco 114-A, situado a 52,04 metros – com rumo S 35º18’22” E. Dai, segue as seguintes distâncias e rumos, ainda, confrontando com imóvel de propriedade de Gilson Junqueira de Andrade e outro: 206,49 m - S34º58’19” E; 122,92 m - S35º05’59” E; 247,03 m - S34º50’30” E, até atingir o marco 117-A, cravado junto ao Córrego do Desfiladeiro. Desse ponto, segue acompanhando o referido córrego, no sentido de sua nascente, servindo esse córrego como divisa natural com imóvel de Flávio Junqueira de Andrade, até atingir o marco X-125. Dai, defleciona à esquerda e segue a distância de 185,52 metros, com rumo N 21º14’59” W, confrontando com a parte “D” da partilha da Fazenda Santo Antonio. Desse ponto, atravessa a Rodovia Federal, até atingir o marco ”B”, distante 50,24 metros, com rumo N 21º14’59” W. Dai, segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com a parte ”D” da partilha da Fazenda Santo Antonio: 543,06 m - N21º14’59” W; 31,38 m - N 29º37’44” W; 59,49 m - N 39º42’38” W; 30,01 m - N35º29’52” W; 29,98 m - N 38º21’32” W; 19,68 m - N27º04’35” W; 21,63 m - N30º45’54” W; 25,78 m - N18º47’14” W; 15,67 m - N59º26’59” W; 269,91 m - N16º32’26” W, até atingir o marco A-351. Daí, defleciona à esquerda e segue acompanhando o leito da antiga Estrada Lins-Getulina, pela cerca ou borda do barranco nas seguintes distancias e rumos: 13,25 m – S25º03’25” W; 23,31 m – S34º43’23” W; 42,44 m – S44º52’40” W – 17,13 m – S53º35’02” W; 16,71 m – S64º59’44” W; 23,27 m – S72º35’44” W; 26,74 m – S75º52’12” W; 93,49 m – S77º25’44” W; 57,64 m – S77º15’02” W; 26,02 m – S73º00’23” W; 23,65 m – S61º38’12” W; 44,56 m – S53º55’16” W; 29,21 m – S37º18’31” W; 170,85 m – S25º19’05” W; 29,72 m – S24º05’04” W; 35,54 m – S38º07’46” W; 47,16 m – S53º10’18” W; 52,06 m – S71º11’49” W; 37,44 m – S80º20’23” W; 85,75 m – S80º54’50” W; 32,42 m – S77º37’34’ w; 35,05 M – S72º36’49” W; 26,56 m – S69º37’20” W; 34,32 m – S61º34’30” W; 87,86 m – S62º49’06” W; voltando ao marco inicial do caminhamento. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640038323, com os seguintes dados: denominação: Estância Moria – área total de 119,60 ha, classificação fundiária: média propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 sentido Lins Getulina – módulo rural: 26,4864 – nº de módulos rurais: 4,44 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 5,43 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396271055. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. g) MATRÍCULA 7.861 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel GLEBA "B": compreende uma área transcrita de 117-35-90 hectares, equivalentes a 48,495 alqueires paulistas de terras, destacada da Fazenda Santo Antonio, situada no Bairro Tabocal, deste distrito, município e comarca de Lins, Estado de São Paulo, contendo as benfeitorias constantes de: um retiro de leite, medindo 7x8 metros, seis cochos, para sal, quatro bebedouros de alvenaria, pastos e cercas divisórias, confrontando-se em sua integridade, com o Corredor do Araújo, antiga Estrada Lins-Getulina, Gleba “E” da Fazenda Santo Antonio e Córrego do Sapo, que serve de divisa natural com Aurélio Sodré Villela e outros, que a gleba acima foi levantada topograficamente, na forma já referida, de cujo levantamento resultou a área maior, constante de 126-01-13 hectares, equivalentes a 52,0708 alqueires paulista, obedecidos os demais característicos individualizadores da mesma área, dentro do seguinte roteiro: “Começa o caminhamento no cruzamento de cercas da antiga estrada Lins-Getulina e o acesso a diversas fazendas, conhecido com o Corredor do Araújo. Daí segue acompanhando a cerca do antigo leito da estrada Lins-Getulina, nas seguintes distâncias e rumos: 5,82 M – N73º58’22” E; 8,53 M – N64º58’14”; 79,05 M – N63º09’00” E; 34,39 M – N60º10’30” E, 34,09 M – E67º22’45” E; 15,29 M – N74º10’41” E – 33,84 M – N 79º09’13” E; 17,03 M – N77º11’44” E; 85,39 M – N81º10’50” E; 42,04 M – N80º49’12” E; 23,13 M – N79º28’17” E; 15,46 M – N77º10’50” E; 42,04 M – N80º49’12” E; 23,13 M – N79º28’17” E; 15,46 M – N77º53’53” E; 10,18 M – N72º42’29” E; 26,29 M – N68º46’23” E; 33,36 M – N50º46’28” E; 14,71 M – N41º47’42” E; 17,10 M – N37º25’00” E; 28,38 M – N29º22’34” E; 21,06 M – N23º33’29” E; 28,46 M – N24º45’27” E; 27,29 M – N26º23’11” E; 15,08 M – N38º15’47” E; 16,85 M – N42º30’42” E; 47,57 M – N53º51’44” E; 26,63 M – N61º44’18” E; 28,45 M – N72º50’57” E; 58,36 M – N77º14’15” E; 93,28 M – N77º25’47” E; 25,99 M – N75º52’53” E; 21,55 M – N72º40’36” E; 14,14 M – N 65º02’21” E; 13,58 M – N56º16’04” E; 14,46 M – N51º53’05” E; 24,09 M – N40º43’42” E; 10,58 M – N 33º30’05” E; 14,39 M – N 31]01’36” E; 106,79 M – N 19º26’19” E; 4,00 m – N25º38’42” E; até atingir o marco “A-325”. Dai, segue acompanhando a parte “E” partilhada da Fazenda Santo Antonio, na distância de 241,63 M-N44º52’31” W, até atingir o marco 288-B, junto a uma água corrente. Daí segue acompanhando a referida água, no sentido de sua correnteza, até atingir o ponto 285-B servindo essa água como divisa natural com a parte “E” da partilha da Fazenda Santo Antonio. Desse ponto, segue as seguintes distâncias e rumos, ainda confrontando com a parte “E” da partilha da Fazenda Santo Antonio: 67,52 m – N35º56’23” W; 67,33 m – N19º19’43” W; 40,78 m – N18º16’48” W; 85,41 m – N19º46’24” W; 61,01 m – N13º15’18” W; 71,75 m – N13º15’18” W; 58,53 m – N13º15’18” W; 102,42 m – N13º24’02” W; 111,10 m – N13º34’20” W; 39,56 m – N10º40’19” W; até atingir p marco 4-A, cravado junto a um córrego. Daí segue acompanhando o referido, no sentido de sua correnteza e que recebe a denominação de Córrego do Sapo ou Santa Maria, servindo esse córrego como divisa natural com imóvel de Aurélio Sodré Villela e outro; até atingir o marco 29-A, cravado junto a cerca de uma estrada de acesso a diversas fazendas conhecida como corredor do Araújo. Desse ponto, segue acompanhando a referida cerca, nas seguintes distâncias e rumos: 388,46 m – S35º31’39” E; 93,31 m – S35º18’50” E; 95,50 m – S35º44’05” E; 70,65 m – S34º53’33” E; 349,18 m – S35º33’53” E; 60,50 m – S32º50’49” E, voltando ao marco inicial do caminhamento. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640037270, com os seguintes dados: denominação: Fazenda Vista Alegre – área total de 703,50 ha, classificação fundiária: grande propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 KM 186 – módulo rural: 31,6728 – nº de módulos rurais: 21,58 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 31,97 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396262056. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. h) MATRÍCULA 7.862 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel GLEBA "A": compreende uma área transcrita de 122-20-19 hectares, equivalentes a 50,4966 alqueires paulistas de terras, destacada da Fazenda Santo Antonio, deste distrito, município e comarca de Lins-SP, Bairro pacas do Tabocal ou bairro Tabocal, contendo benfeitorias constantes de: um retiro de leite, medindo 7x14, 02 silos cobertos de 40 toneladas cada um, setenta cochos de sal cobertos, dois bebedouros de alvenaria, um retiro de leite 7x8, pastos e cercas divisórias, confrontando-se, em sua integridade, com o rio feio, Córrego do Sapo, o qual serve de divisa com Aurélio Sodré Villela e Outros, antiga Estrada Lins-Getulina e com o Corredor do Araújo, que a Gleba acima foi levantada topograficamente, na forma referida, de cujo levantamento resultou a área maior, constante de 131-19-68 hectares, iguais a 54,214 alqueires paulistas de terras, obedecidos os demais característicos individualizadores da mesma área, dentro do seguinte roteiro “ Começa o caminhamento no cruzamento do prolongamento da cerca de acesso a diversas fazendas, conhecido com o Corredor do Araújo e o Córrego do Sapo. Daí segue acompanhando o Córrego do Sapo, no sentido de sua correnteza servindo este Córrego, como divisa natural com o imóvel de Aurélio Sodré Villela e Outros, até atingir o Rio Feio. Daí, segue acompanhando o referido rio, no sentido de sua nascente, até atingir a cerca da antiga estrada Lins-Getulina, onde existem escombros de uma ponte, Desse ponto, segue acompanhando a referida cerca confrontando com o leito da antiga estrada com as seguintes distâncias e rumos: 10,49 m – N81º13’ E; 123,58 m – N75º59’03” E; 20,46 m – N75º07’31” E; 20,64 m – N72º51’09” E; 19,24 m – N70º58’40” E; 39,99 m – N66º18’01” E; 20,51 m – 59º10’48” E; 10,79 m – N51º07’53” E; 19,87 m – N47º38’04” E; 17,47 m – N42º57’57” E; 58,39 m – N38º45’49” E; 15,67 m – N42º10’00” E; 27,62 m – N44º43’42” E; 16,01 m – N48º57’22” E; 14,38 m – N64º27’52” E; 11,78 m – N66º43’22” E; 73,01 m – N71º27’50” E; 123,90 m – N72º45’21” E; 37,36 m – N 78º15’40” E; 15,90 m – N83º11’35” E; 16,61 m – N85º05’23” E; 14,64 m – N 86º06’55” E; 69,83 m – S88º52’46” E; 75,52 m – S87º43’41” E; 33,31 m – S89º14’19” E; 32,24 m – N 89º41’20” E; 10,27 m – N 87º05’22” E; 12,97 m – N82º01’14” E; 34,08 m – N74º21’42” E; 25,34 m – N 70º02’31” E; 12,14 m – N65º40’17” E; 38,97 m – N63º33’68” E; 269,84 m – N59º23’54” E; 22,69 m – N59º47’44” E; 36,95 m – N60º55’38” E; 87,92 m – N61º42’08” E; 497,40 m – N62º45’35” E; até atingir o marco 109-A, cravado junto a cerca do acesso a diversas fazendas, conhecido como Corredor do Araújo. Daí deflexiona à esquerda e segue as seguintes distâncias e rumos; confrontando com a referida estrada: 60,71 m – N32º48’55” W; 348,86 m – N35º39’59” W; 70,68 m – N35º08’09” W; 95,49 m – N35º36’53” W; 93,38 m – N34º34’39” W; 383,53 m – N35º48’25” W; voltando ao marco inicial do caminhamento. Consta na Av.3 desta matrícula que no imóvel rural possui averbação de Termo de Responsabilidade de Preservação de Reserva Legal, para constar uma Reserva Legal com área de 22,61 hectares, equivalente a 226.165.20 m2 (correspondente a 14,60% do total da propriedade), com as seguintes medidas e confrontações: tem início no marco nº 1 cravado na margem do Córrego do Sapo, daí segue com distância de 303,74 metros, com rumo de 40º13’31” SE até o marco nº 2, do marco nº 2 segue na distância de 353,42 metros, como rumo de 75º48’29” SW até o marco nº 3; do marco nº 3 segue a distância de 333,08 metros, com rumo de 1º13’28” SE até o marco nº 4; do marco nº 4 segue a distância de 282,88 metros, com rumo de 26º59’15” SE até o merco nº 5, sendo que do marco nº 1 ao marco nº 5 faz divisa com a Fazenda Cachoerinha Gleba A; do marco nº 5 segue na distância de 136,00 metros, com rumo de 51º35’58” SW até o marco nº 6, sendo que do marco nº 5 ao marco nº 6 faz divisa com o retiro Rio Feio, do marco nº 6 segue margeando Rio feio com distância de 721,50 metros até o marco nº 7, do marco nº 7 segue margeando o Córrego do Sapo com distância de 676,00 metros até o marco nº 1, ponto inicial da presente descrição. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640037270, com os seguintes dados: denominação: Fazenda Vista Alegre – área total de 703,50 ha, classificação fundiária: grande propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 KM 186 – módulo rural: 31,6728 – nº de módulos rurais: 21,58 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 31,97 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396262056. Consta na Av.23 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por JOSE ILTON DA SILVA contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 0001123-2320135030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.24 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por LIDIOMAR MIRANDA DA SILVA contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 0001124-0820135030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.25 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por NILSON DOS SANTOS SILVA contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 0000300-4920135030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.26 desta matrícula que nos autos da Ação de Execução Trabalhista movida por LUCIANO RIBEIRO DE SOUZA contra COMAPI AGROPECUÁRIA S/A, Processo nº 00000759220145030146, em trâmite na Vara do Trabalho de Lins-SP, foi penhorado o imóvel objeto desta matrícula, sendo nomeado depositário Comapi Agropecuaria S.A. Consta na Av.27 desta matrícula que as penhoras averbadas sob os nºs 23, 24, 25 e 26 incidem sobre os direitos da devedora fiduciante COMAPI AGROPECUÁRIA S/A. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. i) MATRÍCULA 21.534 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel rural situado no bairro Tabocal, deste município e comarca de Lins-SP, denominada Fazenda Santo Antonio – Gleba D/E, com a área de 895.400,00 m2 ou 89,54 hectares ou ainda 37,00 alqueires paulista, dentro dos seguintes limites: começa o caminhamento no ponto F, junto a divisa com o lote B/E da partilha e do imóvel de Amilcar Tobias. Daí segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com o imóvel de Amilcar Tobias: 36,28 metros S87º04’46” E, 46,81 metros N71º11’54” E; 77,93 metros N63º05’27” E; 90,08 metros N62º54’25” E; 95,22 metros N61º31’04” E; 73,81 metros N61º19’12” E; 50,40 metros N61º02’12” E; 40,39 metros S60º37’42” E; 62,98 metros N50º55’48” E; 17,29 metros N12º25’44” W; 76,03 metros N74º40’28” E; 28,43 metros N68º52’33” E; 67,42 metros N60º19’23” E; 34,47 metros N61º27’46” E; 137,35 metros N60º25’30” E; 34,29 metros N56º36’33” E; 104,58 metros N59º08’04” E; 63,54 metros N61º09’24” E; 79,56 metros N61º05’19” E; 33,97 metros N54º51’25” E; 57,83 metros N56º18’55” E; 67,95 metros N54º29’56” E; 28,92 metros N55º43’01” E, até atingir o marco 213. Desse ponto, deflexiona à esquerda e segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com imóvel de propriedade de José Benedito Viana Moraes: 34,25 metros N41º09’58” W; 24,85 N48º38’19” W; 43,56 metros N50º03’14” W; 35,03 metros N55º55’28” W, 34,61 metros N62º20’19” W; 37,16 metros N82º50’17” W; 32,65 metros N76º29’34” W; 34,67 metros N70º33’22” W; 46,71 metros S62º12’12” W; 140,11 metros N65º52’47” W; 32,49 metros S61º34’56” W; 77,50 metros S62º46’31” W, 23,99 metros S46º20’00” W; 45,57 metros S72º51’45” W; 97,83 metros S65º05’49” W; 33,65 metros N50º42’17” W; 23,46 metros N39º21’31” W; 32,00 metros N48º08’39” W; 33,81 metros N42º29’46” W; 27,67 metros N47º19’35” W; 55,90 metros N41º35’50” W; 45,14 metros N46º46’22” W; 71,02 metros N07º28’29” W; 59,48 metros N45º59’56” W; 96,76 metros N59º37’52” W; até atingir o ponto 235R. Desse ponto segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com o lote C/E da partilha: 366,34 metros S55º59’33” W; 468,31 metros S55º55’20” W, até atingir o ponto G. Daí segue a distância de 771,57 metros com rumo S35º22’59” E, confrontando com o lote B/E da partilha, voltando ao ponto inicial do caminhamento. Consta na Av.2 desta matrícula: Foi instituída a Servidão de Passagem pelo caminho que, saindo da estrada velha Lins-Getulina, passa pelo imóvel e dá acesso aos imóveis objetos das matrículas 21.535. Av.9 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640003961, com os seguintes dados: denominação Fazenda Santa Marina – área total de 279,30 há classificação fundiária: média propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. Lins-Getulina lado direito BR-153 – módulo rural: 32,8502 – nº de módulos rurais: 8,35 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 12,69 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396056057. As demais condições obedecerão ao que regula o Decreto n° 21.981 de 19 de outubro de 1.932, com as alterações introduzidas pelo Decreto n° 22.427 de 1° de fevereiro de 1.933, que regula a profissão de Leiloeiro Oficial. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. j) MATRÍCULA 21.535 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Imóvel rural situado no bairro Tabocal, deste município e comarca de Lins-SP, denominada Fazenda Santo Antonio – Gleba B/E, com a área de 1.040.600,00 m2 ou 104,06 hectares ou ainda 43,00 alqueires paulista, dentro dos seguintes limites: começa o caminhamento em um marco denominado X335, junto a divisa com o lote A/E da partilha e a parte D da Fazenda Santo Antonio. Daí segue a distância de 22,10 metros com rumo S21º22’23” E, até atingir o marco X361. Desse ponto, segue a distância de 418,55 metros, com rumo S21º22’23” E, confrontando com a parte D da partilha da Fazenda Santo Antonio, até atingir o ponto A179. Daí segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com o imóvel de Amilcar Tobias: 10,36 metros N60º40’25” E, 13,11 metros N60º59’25” E; 32,58 metros N56º29’50” E; 102,34 metros N52º28’00” E; 34,26 metros N56º40’58” E; 15,36 metros N64º45’08” E; 19,33 metros N82º55’12” E; 14,73 metros S77º59’10” E; 54,31 metros S60º47’01” E; 32,26 metros S71º04’03” E; 4,09 metros N84º07’53” E; 32,38 metros N84º58’05” E; 33,48 metros N67º07’33” E; 4,05 metros N63º01’02” E; 25,71 metros N58º31’55” E; 65,65 metros N57º05’53” E; 81,46 metros N58º36’56” E;155,37 metros N63º07’01” E; 92,18 metros N84º30’00” E; 148,76 metros N87º07’34” E; 62,41 metros N87º04’46” E; até atingir o ponto F. Desse ponto, segue a distância de 771,57 metros, com rumo N35º22’59” W, confrontando com o lote D/E da partilha, até atingir o ponto G. Daí segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com o lote C/E da partilha: 530,40 metros N44º00’18” W; 479,34 metros N33º12’05” W, até atingir o ponto I. Desse ponto, segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com imóvel de Aurélio Sodré Villela e outros: 8,38 metros S56º13’46” W; 44,03 metros S58º00’07” W; 31,18 metros S55º49’01” W; 84,41 metros S58º16’46” W; 9,01 metros S57º45’56” W; 32,20 metros S60º50’25” W; 155,09 metros S54º02’25” W; 134,32 metros S56º00’31” W, até atingir o ponto E. Daí segue as seguintes distâncias e rumos, confrontando com o Lote A/E da partilha: 535,14 metros S49º57’54” E; 244,38 metros S34º36’19” E, 386,30 metros S18º02’02” E; 34,13 metros S83º12’11” W; 148,63 metros S82º51’34” W, voltando ao ponto inicial do caminhamento. Consta na R.2 desta matrícula: Foi instituída a Servidão de Passagem pelo caminho que, saindo da estrada velha Lins-Getulina, passa pelo imóvel e dá acesso aos imóveis objetos das matrículas 21.536 e 21.534; servidão essa extensiva aos sucessores. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640037270, com os seguintes dados: denominação: Fazenda Vista Alegre – área total de 703,50 ha, classificação fundiária: grande propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 KM 186 – módulo rural: 31,6728 – nº de módulos rurais: 21,58 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 31,97 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396262056. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. k) MATRÍCULA 22.721 DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE LINS/SP: Uma propriedade agrícola, com área de 139,8905 hectares, ou sejam 57,80 alqueires, mais ou menos, medida antiga paulista, em quiçassa e capoeira, sem benfeitorias, situada no distrito e município e Comarca de Lins-SP, confrontando-se na cabeceira com a estrada de rodagem Lins-Getulina, de um lado com Antonio Rezende de Andrade, de outro lado com Sundar Melo Abreu, e nos fundos, com o Rio Feio e o Córrego do desfiladeiro, sendo que dito imóvel é cortado pela atual estrada de rodagem oficial, asfaltada que liga Lins a Getulina. Consta na Av.2 desta matrícula que no imóvel rural possui averbação de Termo de Responsabilidade de Preservação de Reserva Legal, para constar uma Reserva Legal com área de 36,36 hectares, equivalente a 363,681,00 m2 (correspondente a 20% do total da propriedade objeto da matrícula 22,721 e 5,42% pertencente a matrícula 22.660), com as seguintes medidas e confrontações: tem início no marco nº 1 cravado na divisa com ma BR-153, KM 190 + 47,00 m, daí segue na distância de 841,00 metros, com rumo de S69º18’53” W, até o marco nº 02; sendo que o marco nº 01 ao marco nº 02, faz divisa e coincide com a faixa “non edificandi”, do DER – Departamento de Estradas de Rodagem – Rodovia BR 153, do marco nº 02 segue na distância de 729,00 metros, com rumo de S20º41’7” E, até o marco nº 3, sendo que do marco nº 2 ao marco nº 3 faz divisa com a Fazenda Rio Feio; do marco nº 3 segue o curso do Córrego do Desfiladeiro até o marco nº 4, do marco nº 4 segue o curso do Rio Feio até o merco nº 1 ponto de partida do referido roteiro, sendo que do marco nº 3 até o marco nº 1, faz divisa com a área de propriedade de Flávio Junqueira de Andrade. Consta na Av.4 desta matrícula que o imóvel encontra-se cadastrado no INCRA pelo código 6171640037270, com os seguintes dados: denominação: Fazenda Vista Alegre – área total de 703,50 ha, classificação fundiária: grande propriedade produtiva – indicação para localização: Rod. BR-153 KM 186 – módulo rural: 31,6728 – nº de módulos rurais: 21,58 – módulo fiscal do município: 22,00 ha – nº de módulos fiscais: 31,97 – FMP: 2,00 ha, conforme CCIR 2003/2004/2005 nº 02396262056. Consta na R.15 desta matrícula Servidão de Passagem sobre a parte do imóvel, na faixa a seguir descrita: Área nº LM-06-0010 – o terreno começa no ponto 1 (N-7.597.564,2384 e E-618.910,0734) e segue numa distância de 10,022 metros até o ponto 2 (N-7.595.556,0657 e E-618.915,8742) sem confrontantes, deflete à direita e segue numa distância de 387,824 metros até o ponto 3 (N-7.595.331,9236 e E-618.599,3815) sem confrontantes, deflete à direita e segue numa distância de 469,932 metros até o ponto 4 (N-7.595.061,0785 e E-618.215,3518) sem confrontantes, deflete à esquerda e segue numa distância de 131,631 metros até o ponto 5 (N-7.594.981,8729 e E-618.110,2172) sem confrontantes, deflete à direita e segue numa distância de 10,000 metros até o ponto 6 (N-7.594.989,8600 e E-618.104,2000) confrontando com o Rio Feio, deflete a direita e segue numa distância de 131,788 metros até o ponto 7 (N-7.595.069,1600 e E-618.209,4600) confrontando com a Rodovia BR-153; deflete à direita e segue numa distância de 470,079 metros até o ponto 8 (N-7.595.340,0900 e E-618.593,6100) confrontando com a Rodovia BR-153; deflete à esquerda e segue numa distância de 387,804 metros até o ponto a (N-7.595.564,2384 e E-618.910,0734) confrontando com a Rodovia BR-153, encerrando uma área de 9.899,578 m2. Consta na certidão desta matrícula que o imóvel se encontra prenotado sob nº 145.991, desde 14/06/2017, o seguinte título referente ao imóvel desta matrícula: inscrição de indisponibilidade, devolvido para atender a exigência constante na nota nº 9.240. Também consta na certidão que eventuais ônus reais, penhoras, arrestos, sequestros, citações de ações reais ou pessoais reipersecutórias encontram-se integralmente noticiadas na presente certidão. Obs.: O arrematante responderá por todo e qualquer débito incidente sobre o imóvel.

Valor da Avaliação: R$ 23.815.000,00 BRL (Vinte e três milhões, oitocentos e quinze mil reais) .

A descrição dos lotes é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. Os bens serão vendidos no estado em que se encontram. Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.

Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.
UsuárioAutomático PlacaCriado em Valor do lance ComissãoTotal
Nenhum resultado encontrado.
DescriçãoUsuárioCriado em
Nenhum resultado encontrado.