Casa e Terreno 1.088 m² - Vila Belmiro - Santos - SP - J21288

Este leilão foi finalizado.
Veja outros Leilões de Imóveis ou Leilões de Casas disponíveis.
FINALIZADO
2a Praça
  • Leilão Judicial
  • Leilão:
    ML08701
  • Lance inicial:
    R$ 2.464.684,18
  • Último lance:
    R$ 0,00
  • Incremento:
    R$ 10.000,00
  • Localização:
    Santos, SP
  • Inicio:
    13/06/2018 às 15:30:00
  • Término:
    04/07/2018 às 15:30:00
  • 4331 0
Localização Rua Doutor Carvalho de Mendonça, 534, Vila Belmiro, Santos, SP
Vara 9ª Vara Cível do Foro da Comarca de Santos/SP
Fórum 9ª Vara Cível do Foro da Comarca de Santos/SP
Número do processo 0051420-66.2007.8.26.0562
Autor LUIZ CANZIAN e outra
Réu JOSÉ PIPA RODRIGUES
Descrição
LOTE Nº 01: Matrícula nº 13.468 do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Santos/SP - IMÓVEL: A casa superposta, contendo: três dormitórios, sala, cozinha, armário embutido, banheiro, terraço, passagem e área de serviço, localizada no andar térreo ou primeiro pavimento, sob nº 23, da Rua Francisco Otaviano, no perímetro urbano desta Comarca, com a área construída de 102,71m2, pertencendo-lhe no terreno e nas partes comuns, uma fração ideal equivalente à 46,09% do todo; confrontando: pela frente, com a área de recuo da mencionada rua, por onde tem sua entrada; de um lado, com a área de recuo da Praça Olímpio Lima e dependência inferior da casa 25; de outro lado, com o prédio nº 27 da mencionada rua e área de recuo oposta à Praça Olímpio Lima e nos fundos com dependências inferiores da casa 25 e área de recuo oposta à mencionada rua. Contribuinte nº 54.023.006.001. Consta no site da Prefeitura de Santos/SP débitos inscritos na Dívida Ativa no valor de R$ 844,34 e débitos de IPTU para o exercício atual no valor de R$ 2.791,92 (09/04/2018). Matrícula nº 13.469 do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Santos/SP - IMÓVEL: A casa superposta, contendo no andar térreo ou primeiro pavimento: terraço, hall e escadaria de acesso ao primeiro andar ou segundo pavimento, que contém: 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, terraço, passagem e área de serviço, localizada em parte do andar térreo ou primeiro pavimento e em parte no primeiro andar ou segundo pavimento, sob nº 25, da Praça Olímpio de Lima, no perímetro urbano desta Comarca, com a área construída de 120,12m2; pertencendo-lhe no terreno e nas partes comuns, uma fração ideal equivalente à 53,91% do todo, confrontando: pelo andar térreo ou primeiro pavimento; pela frente com a área de recuo da mencionada Praça, por onde tem sua entrada; de um lado com a área de recuo oposta à rua Francisco Otaviano; de outro lado e nos fundos, com a casa nº 23; pelo primeiro andar ou segundo pavimento para quem da mencionada Praça olha o imóvel; pela frente, com o espaço da área de recuo da mencionada Praça; de um lado, com o espaço da área de recuo oposta à Rua Francisco Otaviano e parte da cobertura do pavimento inferior; de outro lado, com o espaço da área de recuo da Rua Francisco Otaviano e parte da cobertura do pavimento inferior e nos fundos, com o espaço da área de recuo oposta à mencionada Praça e parte da cobertura do pavimento inferior. Contribuinte nº 54.023.006.002. Consta no site da Prefeitura de Santos/SP que não há débitos inscritos na Dívida Ativa e que existem débitos de IPTU para o exercício atual no valor de R$ 1.934,64 (09/04/2018). Matrícula nº 13.470 do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Santos/SP - IMÓVEL: Um terreno, sob nº 534, situado na Rua Carvalho de Mendonça, no perímetro urbano desta Comarca, com as seguintes metragens e confrontações: 5m de frente para a mencionada rua; do lado da Rua Alvares Cabral, divide-se com o nº 532, de propriedade de Vitorino José Alves e José Luiz Pedroso ou sucessores, onde mede 26m, faz ângulo de 90º para a direita, medindo 2,3m, fazendo novamente um ângulo de 90º, desta vez para a esquerda, onde mede, 2m, até aqui fazendo divisa com o nº 532 da mencionada rua; desse ponto segue em linha reta em direção à Praça Olímpio Lima, agora fazendo divisa com o nº 26 dessa Praça, por uma extensão de 25,25m, quando passa a fazer divisa com a mesma Praça, defletindo para a esquerda num ângulo de mais ou menos 15º e segue inicialmente em forma de curva com cavidade à direita e daí em linha reta por um extensão de 28,6m, até a Rua Francisco Otaviano; neste ponto faz ângulo de 90º, à esquerda e segue fazendo divisa com a referida rua, por 13m, quando faz novo ângulo de 90º à esquerda e segue em direção à Rua Carvalho de Mendonça, por uma extensão de 24m, fazendo divisa com o nº 25 da Rua Francisco Otaviano; desse ponto muda de direção em ângulo de 90º à direita, dirigindo-se agora em direção à Rua D. João VI, por uma extensão de 10,25m, fazendo divisa com os fundos do nº 25 da Rua Francisco Otaviano; daí muda outra vez em 90º sua direção, voltando-se a dirigir a Rua Carvalho de Mendonça, medindo 14,47m, agora fazendo divisa com o nº 27 da Rua Francisco Otaviano; daí sofre uma deflexão à direita com um ângulo de mais ou menos 15º e continua indo em direção da Rua Carvalho de Mendonça, por uma extensão de 14,47m, agora fazendo divisa com o nº 540 dessa rua, faz ângulo de 90º à esquerda e segue paralelo à Rua Carvalho de Mendonça, por 15m, fazendo divisa com os fundos dos nºs 536 e 538 da referida rua, daí faz nova virada à direita e se dirige à Rua Carvalho de Mendonça, até atingir o ponto de partida, percorrendo 24m em linha reta, fazendo divisa lateral com o nº 536 da Rua Carvalho de Mendonça. Contribuinte nº 54.023.040.000. Consta no site da Prefeitura de Santos/SP que não há débitos inscritos na Dívida Ativa e que existem débitos de IPTU para o exercício atual no valor de R$ 3.909,68 (09/04/2018). Observações: 1) Os bens objeto do praceamento constituem um único imóvel (unificação de fato); 2) Os Exequentes, como proprietários dos imóveis, comprometem-se a outorgar a escritura definitiva em favor do arrematante, a custa deste, que receberá a propriedade plena do bem. Débito da ação: R$ 2.115.614,79 para Abril/2018.
Valor de Avaliação: R$ 4.929.368,35 (Quatro milhões, novecentos e vinte e nove mil, trezentos e sessenta e oito reais e trinta e cinco centavos) em 6/2018, que será atualizado até a data da alienação conforme tabela de atualização monetária do TJ/SP.

A descrição dos lotes é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. Os bens serão vendidos no estado em que se encontram. Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.

Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.
UsuárioAutomático PlacaCriado em Valor do lance ComissãoTotal
Nenhum resultado encontrado.
DescriçãoUsuárioCriado em
Nenhum resultado encontrado.