Direitos sobre Apartamento 59 m² - Vila Congonhas - São Paulo - SP - J14210

ABERTO PARA LANCES
2a Praça
  • Leilão Judicial
  • Leilão:
    ML06553
  • Lance inicial:
    R$ 170.909,28
  • Último lance:
    R$ 0,00
  • Incremento:
    R$ 2.000,00
  • Localização:
    São Paulo, SP
  • Inicio:
    19/07/2017 às 10:40
  • Término:
    10/08/2017 às 10:40
  • 1086 0
APROVEITE E DE SEU LANCE. TERMINA EM:
Localização Rua Gutemberg, 170, Vila Congonhas, São Paulo, SP
Vara 4ª Vara Cível do Foro Regional de Santo Amaro/SP
Fórum 4ª Vara Cível do Foro Regional de Santo Amaro/SP
Número do processo 1042555-24.2014.8.26.0002 - Controle nº 3265/2014
Autor COND. ED. GUTEMBERG
Réu JOÃO LINO DE SOUZA
Descrição
DIREITOS QUE O EXECUTADO POSSUI SOBRE O IMÓVEL DA MATRÍCULA Nº 63.468 DO 15º CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DE SÃO PAULO/SP – IMÓVEL: O apartamento nº 71 localizado no 7º andar do Edifício Gutemberg, situado à Rua Gutemberg nº 170, no Campo Belo, 30º Subdistrito - Ibirapuera, contendo a área útil de 59,52 metros quadrados, área comum de 75,4406 metros quadrados, área total de 134,9606 metros quadrados, cabendo-lhe no terreno e coisas comuns a participação de 2,5141% e 01 (uma) vaga indeterminada na garagem do edifício incluída na área comum. Consta no R.15 desta matrícula que o imóvel foi adquirido por RENATO CARLOS BURGER com a interveniência do BANCO ITAÚ S/A (atual ITAÚ UNIBANCO S/A). Contribuinte nº 086.270.0055-7 (conf. Av.10). Consta no site da Prefeitura de São Paulo/SP que não há débitos inscritos na Dívida Ativa e, consta débitos de IPTU para o exercício atual no valor de R$ 417,48 (17/05/2017). Consta à fls. 228/229 que o contrato celebrado entre ITAÚ UNIBANCO S/A e RENATO CARLOS BURGER para a aquisição do imóvel foi integralmente cumprida pelos contratantes.

Valor da Avaliação: R$ 341.818,55 BRL (Trezentos e quarenta e um mil, oitocentos e dezoito reais e cinquenta e cinco centavos) em 7/2017, que será atualizado até a data da alienação conforme tabela de atualização monetária do TJ/SP.

A descrição dos lotes é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. Os bens serão vendidos no estado em que se encontram. Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.

Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.
UsuárioAutomático PlacaCriado em Valor do lance ComissãoTotal
Nenhum resultado encontrado.
DescriçãoUsuárioCriado em
Nenhum resultado encontrado.